Terça-feira, 10 de Junho de 2008

Os "Nó" no Teatro Sá da Bandeira

 

 

O grupo Nó, através das suas influências rock e jazz, explora os caminhos da nossa música ligados à história recente de Portugal desde o período obscuro da Ditadura, passando pelo sonho consequente que é Abril, até aos dias de hoje, em que muitas das palavras de ordem da música da revolução se renovam e recuperam significado e força para o futuro. As canções de Zeca Afonso, Sérgio Godinho e Adriano Correia de Oliveira, a poesia de Ary dos Santos, através do Fado de Carlos do Carmo, inspiram um espectáculo em que o apreço por estas músicas e a curiosa desconstrução do Nó expressam uma abordagem única.

Quarta-feira, dia 18, às 21h45, no Bar do Teatro Sá da Bandeira.

publicado por ocheirodesantarem às 16:00
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 26 de Março de 2008

Raízes levam Zeca e Paredes a Abrantes

“Raízes – Conversa com Carlos Paredes e Zeca Afonso” é um espectáculo de música protagonizado por André Santos (guitarra) e Nuno Tavares (piano), que vai ser apresentado dia 4 de Abril (sexta-feira), às 21h30, no Cine-Teatro S. Pedro, em Abrantes.

"Raízes" faz a ponte entre a música tradicional portuguesa e a necessidade de expressão humana através da improvisação.

Após intensa dedicação ao fado e à sua aproximação às diversas culturas musicais, como o jazz ou flamenco, o projecto "Raízes" apresenta uma homenagem a Carlos Paredes e Zeca Afonso, mostrando como a música destes autores atravessa as barreiras do tempo.

Este é um espectáculo com a chancela da Artemrede.

Os bilhetes (4,00€) estão à venda no Posto de Turismo e, no dia da actuação, nas bilheteiras do Cine-Teatro.

música: a venham mais cinco
publicado por ocheirodesantarem às 01:50
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 18 de Outubro de 2007

Grupo de Abrantes toca Zeca Afonso

A 26 de Outubro, no Cine-Teatro S. Pedro, pelas 21h30, o “Steel Drumming” presta homenagem a Zeca Afonso.

 

Neste projecto o grupo de percussão “Drumming” apresenta-se com uma nova faceta cuja particularidade é fazerem dos tambores de aço – as chamadas Steel Drums – os seus instrumentos, permitindo uma maior possibilidade rítmica, melódica e harmónica.

 

O que o “Steel Drumming” se propõe a realizar neste espectáculo, com duração aproximada de 60 minutos, é a prestação de um tributo a uma das figuras mais influentes da música e cultura portuguesas. Para isso desafiaram-se a criar novos arranjos para temas originais de Zeca Afonso, feitos pelos próprios elementos do grupo, bem como por reconhecidos músicos portugueses como Bernardo Sassetti, Pedro Moreira, António Augusto Aguiar, Mário Laginha, Vasco Mendonça e Telmo Marques.

publicado por ocheirodesantarem às 17:32
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. Os "Nó" no Teatro Sá da B...

. Raízes levam Zeca e Pared...

. Grupo de Abrantes toca Ze...

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds